DDu – Capítulo 224 – O Sétimo Anel de Espírito de Tang San de Cem Mil Anos


Bo Saixi conseguiu recolher sua mão no fim, com o coração batendo descompassado por alguns segundos. Ao se virar, ela olhou na direção do Hall do Deus do Mar no pico da montanha, dizendo para si mesma com um tom de voz peculiar:

— Ele conseguiu.

Uma silhueta vermelha alçou voo e ninguém viu que, dos cantos dos olhos de Bo Saixi, escorreu uma lágrima brilhante e translúcida como uma pérola.

Nenhum dos Demônios da Shrek incomodou Tang San, que continuou sentado ali de pernas cruzadas e imóvel, como se tivesse se transformado em um fóssil antigo. No momento, ele estava coberto de sangue, parecendo com uma escultura vermelho-sangue.

Os olhares de Dai Mubai, Oscar, Ma Hongjun, Zhu Zhuqing e Ning Rongrong brilharam um por um. Observar Tang San suportando o processo de absorção do anel de espírito concedido pelo Deus do Mar infectou cada um deles. Ninguém disse uma única palavra. Ning Rongrong puxou Xiao Wu pela mão e os seis andaram juntos até as escadas do Hall do Deus do Mar, diretamente subindo até o vigésimo quinto degrau e se sentando. Tang San já havia ultrapassado seus limites, então qual era o limite deles? Até mesmo Bai Chenxiang subiu até o décimo degrau e se sentou.

A área no pé da montanha sagrada recuperou sua serenidade. Seis pessoas cultivando sem parar, Xiao Wu suportando a pressão de forma passiva e uma estátua cor de sangue, o imóvel Tang San.

Ele permaneceu assim por cem dias inteiros. Depois de ficar completamente imóvel por um mês inteiro, o sangue vermelho já havia se tornado roxo escuro, formando uma casca dura sobre a superfície de sua pele. Se não fosse por eles serem capazes de sentir seu pulso suave, assim como pelo que a Douluo Deus do Mar disse antes de partir, talvez os outros já tivessem achado que Tang San realmente havia se transformado uma estátua de verdade.

Cem dias, cem dias sem qualquer movimento. No centésimo dia, sons de alguma coisa sendo rasgada e esmagada despertou todos de sua cultivação.

Uma rachadura após a outra começou a se formar na casca cobrindo o corpo de Tang San, essa era a origem dos sons.

Sete silhuetas apareceram em volta dele, nesse momento, nenhum deles conseguia pensar em cultivar. Depois de cem dias de espera contínua, a pessoa por quem eles tanto esperaram estava voltando.

Cada vez mais rachaduras apareceram. Aos poucos, a casca roxa escura começou a cair aos pedaços, expondo sua pele que cintilava com um leve brilho dourado azulado. O que surpreendeu um pouco a todos eles foi que, à medida que os pedaços de sangue coagulado caiam seu cabelo também pareceu cair junto com eles.

— Em…

Um gemido suave ecoou e a pele exposta de Tang San começou a brilhar com um pouco mais de intensidade. O brilho se tornou cada vez mais distinto, irradiando luz para todos os lados e cada um desses raios de luz dourada azulada parecia expelir parte das impurezas em seu corpo.

Com um som de pop, o tempo pareceu parar por um instante e todas as impurezas em seu corpo foram expelidas de uma vez só, expondo seu corpo quase perfeito. O intenso brilho dourado azulado pareceu transformá-lo em um segundo sol, o suficiente para se comparar ao sol escaldante no céu. Com um brilho tão intenso e flutuações de energia tão violentas, todos os outros foram obrigados a recuar.

Em meio a todo esse brilho, a figura sentada não chão lentamente se ergueu. Ao abruptamente esticar os braços, o melodioso som de ossos estalando pôde ser ouvido. Isso mesmo, melodioso, como se estivesse esticando seu corpo inteiro.

Quando ele se esticou até seu limite, no mesmo instante, um rugido de dragão ecoou pelos céus. Os Demônios da Shrek sentiram como se seus arredores de repente se transformassem em um oceano dourado azulado junto com esse rugido. No instante seguinte, eles ficaram chocados ao descobrir que o mar em forma de anel e a montanha sagrada haviam desaparecido. De alguma forma, todos eles estavam de pé em uma densa floresta e todas as plantas dessa floresta eram azuis e douradas.

No chão havia um denso tapete de imperador azul prateado balançando suavemente e todas as plantas ao redor pareciam ter sido esculpidas em safira e banhadas pelos raios de sol dourados, possuindo uma coloração ilusória.

Antes que eles pudessem reagir, de repente, o cenário ao redor mudou. O brilho original e a aura de vitalidade ilimitada desapareceram sem qualquer aviso. No seu lugar, um mundo extremamente gelado de névoa branca os recebeu. Incontáveis auras cruéis flutuavam como lâminas afiadas nos arredores, lhes dando a sensação de que seus corpos podiam ser rasgados em pedaços a qualquer momento.

O mais assustador era um tremor em seus corações, uma sensação de terror que quase instantaneamente lhes causou a impressão de serem oprimidos por uma energia estranha. Mesmo o menor dos movimentos parecia ser extremamente difícil. Se eles não tivessem suportado a pressão da Luz do Deus do Mar por tanto tempo, o horror desse mundo repleto de intenção assassina os teria enlouquecido.

Por sorte, essa sensação aterrorizante não continuou por muito tempo. Quando todos estavam sentindo seus corações prestes a explodir, seus corpos de repente relaxaram e essa aura que parecia vir do próprio inferno desapareceu num piscar de olhos. Eles estavam de volta àquele cenário com o qual estavam acostumados, ao pé do Pico do Deus do Mar e diante de um mar em forma de anel.

A sensação de serem liberados de um grande fardo deixou todos ofegantes, recuando subconscientemente com olhares chocados. Xiao Wu, ao contrário, permaneceu parada sem reação. Sem sua alma, ela não parecia ter sido capaz de sentir a assustadora pressão gigantesca que os outros sentiram agora pouco.

Mas na realidade, o motivo de ela não ter sentido todo esse sofrimento não tinha muita relação com o fato de ela não possuir uma alma, afinal, o que acabou de acontecer não havia sido um ataque puramente espiritual. O motivo de ela não sofrer nenhum dano estava ligado em especial com o fato de sua alma estar dentro do corpo da pessoa que gerou aquela cena. Com a profunda ligação existente entre o físico e o metafísico, seria natural que ela não sofresse qualquer dano.

O brilho dourado azulado desapareceu aos poucos e enquanto todos se recompunham, eles puderam ver com clareza uma figura humana tremeluzindo em meio à luz. Não demorou muito para toda a luz ser absorvida por essa pessoa, expondo sua verdadeira forma.

Todos soltaram grandes suspiros de alívio, olhando para essa figura que apareceu, suas expressões estranhas logo se tornaram sorrisos.

Ali estava Tang San, parado de pé com o corpo já coberto por vestes limpas, diferente de Ma Hongjun que acabou nu após absorver seu anel de espírito. O motivo de sua silhueta estar tremulando um pouco antes na verdade era por que ele estava se vestindo.

Porém, sua aparência atual era ainda mais ridícula que a de Ma Hongjun naquela hora. Sua cabeça estava lisa e brilhante, sem um único fio de cabelo, ao ponto de até mesmo refletir a luz do sol. Nem mesmo suas sobrancelhas restaram. Apesar de continuar belo, com seus olhos azuis escuros ainda mais claros do que antes, essa sua aparência careca ainda fez os Demônios da Shrek e Bai Chenxiang se recuperarem bem rápido do susto.

No momento, havia uma densa camada de luz dourada cobrindo a pele exposta de Tang San, mas o que mais sofreu mudanças, além de seu cabelo e sobrancelhas, foram as Oito Lanças de Aranha em suas costas.

Elas não haviam mudado de tamanho e continuavam cristalinas como antes, mas sua coloração passou por uma mudança de reverter os céus e a terra. Aquele assustador vermelho-sangue original se transformou completamente em um dourado sagrado. Elas eram como oito gloriosos braços dourados se desdobrando atrás de Tang San. Luz dourada cintilou e foi como se um fraco disco de luz dourada surgisse atrás delas.

Na prática, essa já era a terceira evolução das Oito Lanças de Aranha. Após obtê-la, a primeira foi quando ele matou uma segunda Aranha Demônio Face de Homem, a segunda quanto obteve o anel de espírito de Xiao Wu e agora mais uma vez. Esse osso espiritual externo não apenas não se tornou ainda mais sinistro como, ao contrário, se tornou ainda mais estonteante.

— Pequeno San, você, hahahaha… — Dai Mubai foi o primeiro que não conseguiu mais se conter, caindo na risada no mesmo instante. Quando ele começou a rir, os outros também não conseguiram mais se segurar.

Tang San havia acabado de acordar e ainda estava com a consciência um pouco confusa.

— Do que vocês estão rindo?

Ning Rongrong disse entre suas gargalhadas:

— Terceiro irmão, o seu cabelo e as suas sobrancelhas…

Oscar e Ma Hongjun se entreolharam e não conseguiram conter sorrisos seus perversos. Se o cabelo e as sobrancelhas haviam caído, então os pelos em outros lugares… He he…

Tang San pareceu ficar confuso por alguns instantes, imediatamente erguendo uma mão até a nuca, então ele descobriu o motivo das risadas. Inclinando a cabeça para olhar para os pedaços de sangue coagulado em volta dele, ele não conseguiu conter um sorriso torto.

Entretanto, agora seu coração estava incomparavelmente tranquilo. Uma sensação refrescante emanava de cada um de seus poros. Ele praticamente não precisava nem usar seus olhos para ver, o cenário a sua volta aparecia como uma imagem tridimensional em sua mente. Ele conseguia até mesmo sentir com clareza as variações na intensidade dos raios de sol no ar.

Essa sensação de estar no controle de tudo era maravilhosa. A força interna da habilidade Céu Misterioso dentro de seu corpo havia mudado completamente de branca para dourada e parecia circular por seus meridianos como mercúrio. À medida que sua consciência ficava mais clara, ele se surpreendia ainda mais. Parecia que sua força espiritual havia alcançado o mesmo nível que seu Olho do Demônio Púrpuro. Com sua capacidade de observar até os mínimos detalhes, ele era capaz de descobrir até as mais minúsculas mudanças em seu corpo.

Mas mesmo sendo capaz de controlar tudo que estava dentro dele, ele ainda não sabia que nível havia alcançado.

Quase subconscientemente, Tang San liberou o Imperador Azul Prateado. No mesmo instante, dezenas de filamentos de Imperador Azul Prateado dispararam de seu corpo. Agora não havia mais linhas douradas nas folhas de Imperador Azul Prateado, ao invés disso, cada uma delas estava envolta por uma fraca camada de luz dourada.

Junto com a liberação de seu espírito, sete anéis de espírito se ergueram em sucessão dos seus pés.

Amarelo, amarelo, roxo, preto, preto, vermelho, vermelho. Seus sete anéis de espírito ordenados causavam uma sensação sem comparação nas pessoas. Nesse instante, Tang San sentiu como se conseguisse ouvir as vozes de cada uma das plantas no Pico do Deus do Mar e era como se cada folha do Imperador Azul Prateado fosse um de seus próprios braços. Ele tinha confiança de que eles seriam capazes de completar até os movimentos mais complexos.

Ele não havia suportado aquela dor terrível em vão. Aquele anel de espírito vermelho sangue na sétima posição era sua melhor recompensa.

Dai Mubai, Oscar, Ning Rongrong, Zhu Zhuqing, Ma Hongjun e Bai Chenxiang agora haviam parado de rir. Vendo o sétimo anel de espírito sobre Tang San, com a coloração vermelha de um anel de cem mil anos, eles não conseguiram dizer uma palavra.

Se dizendo que ele obteve um sexto anel de espírito do nível de cem mil anos devido a circunstâncias especiais que levaram ao sacrifício de Xiao Wu, então esse seu sétimo anel de espírito era algo que ele obteve por meio de sua própria perseverança destemida e força de vontade incomparável.

Por causa desse sétimo anel de espírito, toda a dor que Tang San sofreu e o preço que ele pagou com certeza foi ainda maior do que se ele tivesse absorvido um anel de espírito de cem mil anos de verdade. Mesmo com quatro ossos espirituais, com sua força atual ele ainda não deveria ser capaz de absorver um anel de espírito de cem mil anos. Mas apesar dessa lacuna absoluta, ele ainda fez isso.

Para Mestres dos Espíritos, o sétimo anel de espírito era o salto mais importante e Tang San usou o mais perfeito anel de espírito de cem mil anos para continuar declarando sua força. Se espíritos gêmeos eram o seu talento inato, então esse sétimo anel de espírito era um fruto dos seus próprios esforços.

Tang San lentamente ergueu a mão direita e aquele último anel de espírito vermelho que apareceu se ergueu aos poucos, atraído por sua palma. À medida que se erguia, ele se expandiu e num piscar de olhos, se transformou em uma barreira vermelho sangue o envolvendo completamente.

A luz vermelha o envolveu e seu corpo mudou, se fundindo a essa luz avermelhada. Foi como se seu corpo se tornasse translúcido e a superfície de sua pele começou a ondular com o mesmo brilho azul claro do Imperador Azul Prateado, além de também ser envolvida por uma luz dourada repleta da aura da natureza.

Agora, parecia que ele era um Imperador Azul Prateado em forma de homem.

Essa era a sétima habilidade espiritual de Tang San, o Avatar Azul Prateado.

Sob o efeito do Avatar Azul Prateado, todas as habilidades do Imperador Azul Prateado eram amplificadas em cem por cento e qualquer folha de grama azul prateada poderia se tornar o verdadeiro corpo de Tang San. Em outras palavras, a menos que todos os Imperadores Azuis Prateados fossem completamente destruídos, ele seria capaz de fazer seu corpo aparecer em qualquer lugar em que houvesse um Imperador Azul Prateado ao seu alcance para evitar os ataques.

Esticando os braços para os lados, os olhos do Avatar Azul Prateado de Tang San de repente se tornaram dourados. Logo em seguida, com ele no centro, um brilho dourado azulado se espalhou de seus pés, envolvendo uma faixa de cem metros praticamente numa fração de segundo.

Essa faixa de cem metros podia não ser muito larga, mas dentro dela, tudo se tornou dourado azulado. Incluindo os corpos dos outros Demônios da Shrek.

Todos sentiram com clareza um enorme fôlego de vida preencher os arredores, gerando um conforto indescritível. Entretanto, eles também descobriram que seus movimentos começaram a desacelerar e seus arredores pareceram se tornar indistintos. Nesse mesmo instante, as Oito Lanças de Aranha atrás de Tang San floresceram com luz dourada, com um raio dourado de luz após o outro começando a preencher esse mundo dourado.

Esses feixes de luz dourada não podiam ser evitados. Todos sentiram seus corpos ficando um pouco mais rígidos e logo em seguida, foi como se seu poder espiritual começasse a ser drenado, lentamente fluindo por esses longos feixes de luz.

Eles queriam se libertar, mas esses feixes de luz eram como sanguessugas, grudados em seus corpos. Eles se tornaram cada vez mais brilhantes, convergindo nas Oito Lanças de Aranha e então fluindo para Tang San.

Imagens de árvores surgiram uma após a outra, ocultando a silhueta de Tang San. Todas as plantas na área do Pico do Deus do Mar agora também haviam se tornando douradas azuladas e junto com essas imagens de árvores, incontáveis vinhas apareceram nos arredores se espalhando por todas as direções. Nesse momento, nem mesmo a luz do sol conseguia penetrar nesse mundo dourado azulado. Uma intensa aura repleta de vida cobriu todos os presentes e os galhos das árvores começaram a crescer de forma frenética, com folhas se espalhando rapidamente com os Demônios da Shrek como alvo. Em alguns segundos, todos estavam se sentido completamente cercados.

Um tipo de pressão similar ao pânico surgiu em seus corações. Coagidos por essa pressão, todos liberaram seus espíritos.

Mas mesmo as chamas ardentes de fênix do Gordo só conseguiram tornar esse mundo dourado azulado um pouco mais brilhante. Todos eles descobriram que seus espíritos estavam sendo suprimidos por esse fôlego de vida.

— Essa é a verdadeira forma do meu Domínio Azul Prateado sob o efeito da minha sétima habilidade espiritual, o Avatar Azul Prateado e também é a terceira habilidade evoluída dele: a Natureza Infindável1. Seus efeitos secundários são assimilação e supressão. Dentro desse domínio, eu sou capaz de mudar tudo como eu desejar. A habilidade de assimilação me permite assimilar todas as plantas ao redor, consumindo suas chamas vitais para o seu próprio uso. Quando mais plantas houver ao redor, mais forte será a Natureza Infindável. Além disso, essas plantas também poderão lançar todos os ataques que eu desejar. Já a habilidade de supressão me permite suprimir os atributos dos seus espíritos em dez por cento e todo o poder espiritual que vocês liberarem também será suprimido em dez por cento. Quanto mais tempo vocês passarem dentro do domínio, maior será o efeito de supressão.

— Então o que são esses feixes dourados extraindo o nosso poder espiritual? — Ao ouvirem a voz de Tang San ecoando dos arredores, o medo deles desapareceu no mesmo instante e Dai Mubai imediatamente lhe fez essa pergunta.

A voz de Tang San ecoou mais uma vez:

— Esse é uma forma de economia de energia automática produzida pela evolução dos domínios e das Oito Lanças de Aranha. Originalmente, a terceira habilidade da Natureza Infindável era extrair aos poucos a sua vitalidade e transferi-la para as plantas, mas com a junção das Oito Lanças de Aranha na equação, ela obteve um efeito de drenagem a longa distância. Esses feixes indestrutíveis são uma extensão da habilidade de drenagem das Oito Lanças de Aranha. Eles constantemente absorvem o seu poder espiritual e sua vitalidade. A vitalidade é transferida para as plantas dentro do domínio enquanto o poder espiritual é filtrado pelas Lanças de Aranha para meu próprio uso.

Dai Mubai arregalou os olhos.

— Porra, elas até mesmo filtram ele? O seu domínio é anormal demais.

A luz azul de repente desapareceu, deixando o céu visível. Tang San ainda estava parado no mesmo lugar de antes e ele já havia recolhido tanto as Oito Lanças de Aranha quanto seus sete anéis de espírito.

Ele revelou sua nova habilidade a seus companheiros para que eles pudessem cooperar ainda melhor no futuro e assim eles não ficariam surpresos na primeira luta em que ele a usasse. Além disso, um Mestre dos Espíritos revelar suas habilidades espirituais para outro era uma das mais íntimas formas de demonstrar afeição.

Deixando de lado os outros Demônios da Shrek pensarem que essas novas habilidades dele eram anormais, até o próprio Tang San achava que elas eram assustadoras.

Em especial a habilidade criada pela fusão entre o Domínio Azul Prateado e as Oito Lanças de Aranha. Drenagem à longa distância e, ainda por cima, capaz de ignorar ataques e defesas, isso era assustador demais. Ao mesmo tempo, Tang San também descobriu que após as Lanças de Aranha evoluírem, sua habilidade de drenagem original ganhou também um filtro automático, toda a energia absorvida era filtrada e infundida ao corpo dele onde ela fosse necessária.

Dessa forma, durante uma luta dentro do Domínio Azul Prateado com essa habilidade ativada, os oponentes seriam constantemente enfraquecidos enquanto Tang San seria capaz de continuar lutando por ainda mais tempo.

Ele ainda sentia vagamente que, junto com seu aumento de força, agora a habilidade evoluída desse osso espiritual externo estava exibindo sua verdadeira aparência. Isso era algo que outros ossos espirituais não possuíam, mesmo os ossos espirituais de cem mil anos.

Considerando apenas o nível do domínio, esse Domínio Azul Prateado já ultrapassava de forma massiva o Domínio Angélico de Qian Renxue. As habilidades do Domínio Angélico focavam principalmente em fortalecê-la e suprimir o oponente. Além disso, seu poder espiritual angélico só era capaz de afetar o poder espiritual dos oponentes.

Enquanto a transformação do poder espiritual do oponente gerada pelo Domínio Angélico só possuía um efeito, a habilidade de drenagem do Domínio Azul Prateado possuía dois.  O Domínio Angélico apenas prejudicava os outros, sem gerar benefícios para o usuário, já o Domínio Azul Prateado prejudicava os outros para o benefício do próprio usuário. A diferença entre eles era bem grande.

Em termos de nível do espírito, apesar de o Imperador Azul Prateado poder ser considerado uma existência no topo entre os espíritos do tipo planta, ainda havia uma grande diferença entre ele e um super espírito como o Serafim. Havia dois motivos de os efeitos do Domínio Azul Prateado de Tang San serem capazes de ultrapassar os do Domínio Angélico de Qian Renxue, um era o efeito gerado pela fusão com as Oito Lanças de Aranha evoluídas. O outro era porque o sétimo anel de espírito de Tang San era do nível de cem mil anos. O efeito de amplificação dele naturalmente não seria algo a que um anel de dez mil anos poderia se comparar.

Por esse sétimo anel de espírito, Tang San gastou cem dias. Mas valeu completamente a pena. Um anel de cem mil anos como sétimo anel de espírito significava um salto compreensivo de sua força. Com todos os ossos espirituais e habilidades espirituais que possuía agora, ele teria força para resistir a um confronto contra um Título Douluo. Isso ainda sem contar os efeitos do Domínio do Deus da Morte após ser amplificado por seu sétimo anel de espírito, assim como a segunda habilidade espiritual que vinha com um anel de espírito de cem mil anos.

Coçando sua cabeça careca com um pouco de estranheza, Tang San perguntou:

— Por quanto tempo eu fiquei em transe?

Agora, os outros já estavam reunidos em volta dele e tirando Xiao Wu que ainda estava com o olhar vazio, todos os outros possuíam expressões de admiração e inveja.

Oscar respondeu:

— Você realmente consegue dormir! Você ficou assim por uns cem dias. Admirável. Se fosse algum outro de nós, independente do quão persistentes nós sejamos, nossos corpos ainda assim não seriam capazes de absorver a energia daquele anel de espírito de cem mil anos. Eu também quero o meu sétimo anel de espírito. Ah! Ah! Ah! — Ele mal ocultou sua inveja.

Tang San o encarou sem reação por um instante.

— O que você disse? Cem dias? Eu estive em transe por cem dias?

Vendo seus companheiros assentirem um após o outro, Tang San quase não conseguiu acreditar. Para ele, pareceu apenas que, após a dor, um calor se espalhou por todo seu corpo e então se dispersou aos poucos. Ele acordou após esse processo terminar, mas mesmo um processo tão simples assim ainda lhe custou cem dias em transe.

Um pequeno sorriso torto surgiu em seu rosto.

— Eu não achei que fosse demorar tanto. Minha Luz do Deus do Mar!

Dai Mubai revelou um intenso desdém em seu olhar.

— Você claramente só sabe falar sem agir, um anel de espírito de cem mil anos não é o suficiente? As suas novas habilidades espirituais já são anormais o suficiente. Se fosse eu, eu trocaria isso até mesmo por um ano inteiro. Falando nisso, em geral, esse tipo de absorção de anel de espírito pulando um nível costuma aumentar também o seu nível de poder espiritual. O Gordo ganhou um nível da última vez e já está quase no mesmo nível que o pequeno Ao e os outros. Qual é o seu nível atual de poder espiritual?

Tang San observou seu corpo e seu sorriso torto no mesmo instante se tornou um de surpresa.

— Isso está certo? Parece que ele aumentou um monte…

Ning Rongrong perguntou curiosa:

— Quanto é um monte?

Tang San respondeu:

— Parece que eu já estou com setenta e quatro níveis e meio de poder espiritual.

Silêncio, um silêncio sepulcral. Ao dizer isso, Tang San sentiu como se todos os outros quisessem comê-lo vivo.

Dai Mubai disse com uma expressão pesarosa:

— Os céus são injustos, realmente injustos. Eu treinei amargamente por três meses, mas mesmo assim não consigo me comparar ao pequeno San que só absorveu um anel de espírito…

Tang San riu alto, vendo o sorriso e a frustração no olhar de Dai Mubai. Segurando o ombro dele, ele disse:

— Chefe Dai, não se preocupe! Não esqueça que você ainda não absorveu o anel de espírito concedido pelo Deus do Mar. Eu só tive um pouco de sorte.

Dai Mubai suspirou.

— Pequeno San, isso realmente não é uma questão de sorte! Mas nós também não ficamos parados esses três meses. A Luz do Deus do Mar de fato é um tesouro para a cultivação, meu poder espiritual já está próximo do sexagésimo oitavo nível. Acredito que eu seja capaz de avançar dentro de uns dez dias. O pequeno Ao está no sexagésimo quarto nível, o Gordo também, mas ele já deve estar prestes a avançar para o sexagésimo quinto. A Rongrong já está no sexagésimo quinto e a Zhuqing também. Você está certo, todos nós teremos nossa chance de obter um anel de espírito do Deus do Mar, então nós também temos que trabalhar duro. Para nós, essa é uma oportunidade única. Nesse ano treinando sob a Luz do Deus do Mar, precisamos nos esforçar para alcançar o septuagésimo nível. Com a mudança qualitativa do Avatar Espiritual, as próximas provas serão muito mais fáceis.

Rumble.

Quando Dai Mubai terminou de fazer essa declaração com uma expressão séria, o estômago de Tang San fez um barulho abafado, deixando Dai Mubai sem palavras por um segundo.

— A comida trazida essa manhã está ali. Você acabou de acordar, então descanse por hoje. Muito longe é tão ruim quanto insuficiente. Pode ir, nós iremos continuar cultivando. Com certeza não vai demorar muito para nós diminuirmos essa diferença entre nós.

Depois de passar cem dias sem comer, contando apenas com energia para se sustentar, Tang San estava faminto. Seus companheiros voltaram a se jogar no treinamento enquanto ele se entupiu de comida sem a menor educação. Considerando a força atual de seus órgãos internos, ele basicamente não precisava se preocupar muito com os efeitos adversos de comer ou beber demais.

Caranguejos imperadores gigantes, deliciosa carne de lagosta, ovas de peixe e pão preto, além dos próprios vegetais e frutas especiais da Ilha do Deus do Mar. Numa única sentada, ele acabou com a refeição preparada para todos eles hoje. Só quando terminou é que Tang San percebeu que havia comido a comida de todo mundo. Por sorte, ele ainda tinha um pouco guardado no Vinte e Quatro Pontes ao Luar, não seria um grande problema se por hoje eles comessem as rações de viagem.

Agora, Dai Mubai e os outros já haviam voltado a cultivar sob a Luz do Deus do Mar. Tang San descobriu que, depois de três meses, seus companheiros já estavam cultivando no trigésimo quinto degrau. Até Bai Chenxiang já havia avançado até o vigésimo degrau.

O salto qualitativo em sua força encheu seu coração de satisfação e confiança. Ele silenciosamente disse a si mesmo que a ressurreição de Xiao Wu estava cada vez mais próxima.

Depois de descansar um pouco, Tang San diretamente se jogou na cultivação. Por ter entrado no reino dos Avatares Espirituais, ele diretamente elevou sua posição de cultivo até o quinquagésimo degrau. Ele estava confiante de que conseguiria cultivar nessa posição.

É claro que, antes de começar a cultivar, ele primeiro queria examinar o quanto sua força havia aumentado e dar uma olhada em quantos degraus ele era capaz de avançar nessa estrada desafiadora. Esse também era um bom treinamento para quando chegasse a hora de enfim completar o teste.

Após colocar o primeiro pé na área da Luz do Deus do Mar, entretanto, ele parou com uma expressão surpresa, pois descobriu que a pressão original dela parecia ter desaparecido completamente. Pisar no primeiro degrau não parecia nem um pouco diferente de pisar do lado de fora.

O que está acontecendo? Poderia ser que a pressão da Luz do Deus do Mar desapareceu? Não, impossível. Seus companheiros ainda estavam cultivando, isso provava que o problema não era com a Luz do Deus do Mar.

Repleto de suspeitas, Tang San continuou subindo.

Ele subiu por todo o caminho até o vigésimo degrau antes de sentir um traço de pressão, então relaxou no mesmo instante. Não era que a pressão havia desaparecido, mas sim que sua habilidade de suportar a pressão havia progredido.

De fato, após a prova do anel de espírito concedido por Deus, o corpo de Tang San ultrapassou seus limites mais uma vez e sua habilidade de suportar pressão foi elevada exponencialmente. Assim, seria difícil para a pressão inicial da Luz do Deus do Mar afetá-lo. Já que esse nível de pressão podia ser ignorado, Tang San não sentiu nada.

Continuando a subir, Tang San logo passou pelo quinquagésimo degrau. Ali ele descobriu que essa posição não era adequada para ele cultivar, porque a pressão ali ainda não era suficiente. Ele ainda não estava sentindo o mesmo nível de pressão que sentia quando cultivava antes de ultrapassar o septuagésimo nível.

Sem liberar os seus dois domínios e com seu corpo tendo se recuperado agora pouco, Tang San ainda precisava se conter um pouco nessa subida. Afinal, ele havia acabado de acordar e não podia diretamente começar a atacar seus limites. Com o suporte de seus dois domínios, recuar seria muito mais fácil.

Continuando a subir, logo Tang San alcançou seu limite anterior, parando no octogésimo degrau. Chegando ali, ele voltou a sentir a pressão onipresente de todos os lados. Respirando fundo, ele continuou avançando. Quando chegou ao centésimo degrau, seu passo começou a desacelerar.

Ele descobriu que, após alcançar o centésimo degrau, a pressão claramente subiu um nível. Era quase como o seu próprio salto qualitativo de força. Chegando ali, a pressão da Luz do Deus do Mar também deu um salto qualitativo. Essa descoberta o fez perceber a maior dificuldade para Dai Mubai e os outros concluírem seu primeiro teste provavelmente seria os últimos oitenta degraus.

Eles não podiam subestimar esses últimos degraus. Por causa do aumento qualitativo da pressão, cada degrau exigiria um investimento de esforço muito maior que os anteriores. Ainda mais depois de já terem consumido tanto poder espiritual na subida até ali. Considerando esse aumento abrupto de pressão, completar essa subida com certeza não seria fácil.

Continuando a subir, sua poderosa habilidade de resistir à pressão aos poucos ficou evidente. A marca de tridente em sua testa emitiu uma brilhante luz dourada e a cada passo em frente, ele sentia a alegria da conquista em seu coração.

Cento e oito, o degrau exigido para passar nos testes de nível preto logo estava sob seus pés. A verdade era que, no momento, Tang San já não era apenas um Sábio Espiritual comum. Com seus quatro ossos espirituais e dois anéis de espírito de cem mil anos, o poder de seu físico já havia ultrapassado o de um Título Douluo normal. Ainda assim, após alcançar o centésimo oitavo degrau, ele também começou a sentir com mais clareza o peso sobre seu corpo e cada passo à frente se tornou um desafio.

Respirando fundo, Tang San olhou para cima. Sob a influência da névoa dourada a sua volta, a paisagem em frente estava um pouco embaçada. Para passar em seu teste, o objetivo final não era apenas cento e oito degraus, mas sim trezentos e trinta e três. Em suas circunstâncias atuais, liberando seus dois domínios desde o início, o ponto mais alto que ele deveria ser capaz de alcançar não devia ultrapassar uns cento e cinquenta degraus, nem mesmo a metade da distância que ele precisava alcançar para completar seu teste. Será que ele realmente conseguiria subir os trezentos e trinta e três degraus e passar no teste mesmo com o suporte das habilidades de seus companheiros? Uma grande interrogação surgiu no coração de Tang San.

Ele tinha menos de meio ano restando. Mesmo que a cultivação sob a Luz do Deus do Mar fosse muito mais rápida que do lado de fora, Tang San ainda não era arrogante o suficiente para acreditar que conseguiria dar outro salto qualitativo nesse meio tempo. Parecia que, para passar no seu primeiro teste: Cruzar a Luz do Deus do Mar em Dobro com certeza não seria fácil. Ele ainda tinha uma estrada ainda mais longa para percorrer.

Parando de subir, a imensa pressão ao seu redor começou a forçar o poder espiritual em seu corpo a se mover com uma velocidade sem precedentes. Ele ainda precisava de tempo para colocar seu corpo recém-recuperado em ordem, e ele com certeza não estragaria as coisas por impulso. Ainda sem ativar seus domínios, ele lentamente começou a recuar do centésimo oitavo degrau.

Quando recuou até o octogésimo degrau, ele parou, hesitando um pouco. De acordo com suas lembranças anteriores do cultivo sob a pressão da Luz do Deus do Mar, o septuagésimo degrau parecia ser adequado para cultivar agora. Mas Tang San entendia muito bem que, cultivando ali, ele não seria capaz de evoluir sua capacidade de resistência à pressão o suficiente para passar na primeira prova do Deus do Mar em meio ano.

Aproveitando-se de ainda ter bastante poder espiritual restando, cerrando os dentes com ferocidade, Tang San se sentou no octogésimo degrau.

 


Tradutora: Brinn  |   Revisor: Bravo


Notas

1 — Natureza Infindável – (森罗万象) mais precisamente “as conexões infinitas de todas as manifestações da natureza”.


Fontes
Cores