ISSTH – Capítulo 494 – Sou o Tumba Solitária [1]

CAPÍTULO ANTERIOR                                                                                          PRÓXIMO CAPÍTULO


No exato momento em que o massacre começou, quando dez dos dezesseis Cultivadores com Almas Nascentes foram mortos, dois dos seis restantes, os homens velhos no estágio final da Alma Nascente se afastaram e trocaram um olhar. Seus olhos estavam vermelhos, e eles podiam ver o frenesi nos olhos um do outro. Ambos executaram encantamentos, cuspiram sangue e apontaram para o chão, com expressões selvagens.

— Ativar a formação mágica!

Instantaneamente, um rugido ensurdecedor foi ouvido vindo do chão. A névoa se agitou e os vinte mil participantes do leilão cercados pela neblina começaram a secar rapidamente. Sua força vital ainda estava sendo aglomerada no Qi Demoníaco. De repente, faixas de luz brilhante começaram a aparecer no chão.

As faixas dobraram-se, torceram-se e, de repente, conectaram-se juntas para revelar uma enorme formação mágica!

Foi exatamente a mesma que Meng Hao havia observado anteriormente, embora anteriormente, fosse formada apenas de Qi Demoníaco. Quando ficou visível, uma coluna de névoa negra subiu do centro.

Um dos últimos Cultivadores da Alma Nascente da Aliança dos Oito Ramos gritou: — Tribo do Corvo Divindade, já que vocês estão querendo morrer, então a Aliança do Oito Ramos irá ajudá-los a alcançar seu objetivo! Não haverá mais Tribo do Corvo Divindade no Deserto Ocidental! Todos vocês… serão destruídos em corpo e espírito! Você serão eliminados!

Um rugido encheu o ar quando a coluna negra se encolheu e se transformou numa figura negra.

— Sagrado Ancião — disse o segundo Cultivador de Alma Nascente, com o rosto coberto por uma expressão maligna —, por favor, extermine essas pessoas! Expulse esta tribo! — Ao mesmo tempo, tatuagens de totem representando rostos apareceram na testa de todos os Cultivadores da Aliança dos Oito Ramos no chão. Havia uma expressão em cada um desses rostos.

Temor!

Todos os rostos totêmicos estavam cheios de admiração intensa, bem como de inimizade. Claramente, porém, não importava quanto ódio sentissem, eram incapazes de admirar a figura que se formara na coluna de névoa negra.

Dezenas de milhares de vozes repentinamente fizeram o céu e a terra tremerem: — Sagrado Ancião, por favor, deixe sua projeção para vir exterminar essas pessoas! Elimine esta tribo!

A figura que havia condensado da neblina flutuou no ar. A princípio, parecia embaçada, mas suas feições rapidamente se esclareceram como a de um homem de meia-idade usando um manto negro. Seu rosto estava inexpressivo e exalava uma aura arcaica, depois de ter aparecido, ele alternou entre ser claro e embaçado. Às vezes ele desaparecia momentaneamente antes de aparecer novamente.

Esta oscilação de um lado para o outro fez com que todos os Cultivadores que olhavam para ele tivessem uma sensação muito estranha. Seus corações estavam cheios de desordem, e sentiam uma dor penetrante em seus olhos.

Meng Hao respirou fundo. A partir deste momento, o chamado dentro dele cresceu incrivelmente forte. Além disso, a Jade de Selamento Demoníaco dentro de sua bolsa de carregamento estava começando a tremer.

Meng Hao estava bem ciente de que esta figura era o que havia sido escondido no centro da formação mágica, e foi também o que provocou a reação da Jade de Selamento Demoníaco.

O homem vestido de preto virou a cabeça e seus olhos caíram sobre Meng Hao. Instantaneamente, a mente de Meng Hao se encheu de rugido, e sua visão se elevou. Ele não via mais o Deserto Ocidental. Em vez disso, ele estava num mundo com o céu vermelho, no meio de um campo de batalha, cercado por lamentos e gritos. Ele viu uma lança preta, atirando com incrível velocidade diretamente em direção a ele.

O coração de Meng Hao estava chocado. A ilusão dessa cena foi quebrada instantaneamente. Ao mesmo tempo, os olhos de Meng Hao se encolheram bruscamente. Ele viu um dedo que apareceu na frente de si. O dono deste dedo era um homem vestido de preto.

Bum!

Neste momento de crise, a Larva Sem Olhos girou ao redor dele rapidamente. O ataque com o dedo bateu nela, e um bum resultou, Meng Hao caiu para trás várias centenas de metros, sangue saindo de sua boca. Ele parou e depois olhou para cima. Seus olhos se estreitaram e um brilho frio irrompeu de dentro deles.

Ao mesmo tempo, no vórtice invisível, no mundo cheio de cadáveres, a névoa negra em cima do altar repentinamente começou a se agitar. Um uivo ansioso e indignado de repente ecoou.

Quando os uivos ecoaram, as expressões nos incontáveis rostos dos Cultivadores e neo-demônios na névoa de repente mudaram. Eles distorceram e misturaram, como se alguma força desconhecida estivesse suprimindo o uivo dentro da névoa.

Simultaneamente, a expressão no rosto do homem vestido de preto que estava à frente de Meng Hao também tremeu. Ele olhou para o vórtice, seus olhos brilhando. Então ele olhou de volta para Meng Hao, e um brilho estranho foi visto em seus olhos.

Parecia ser um olhar de descrença. Mais do que descrença, havia aparentemente uma excitação e ganância sem precedentes.

Ao mesmo tempo, um dos Cultivadores com Alma Nascente restante no ar, um velho no estágio médio da Alma Nascente com os olhos chocados, tendo visto Meng Hao forçado a voltar para trás pelo ataque do dedo do homem de vestes negras, animadamente gritou — Sagrado Ancião, por favor, extermine este cruel Cultiva…

Antes que ele pudesse terminar de falar, a mão direita do homem vestido de preto de repente subiu para formar uma garra, que apontou para o Cultivador de Alma Nascente. O velho desapareceu de repente. Quando ele reapareceu, ficou chocado ao descobrir que a mão do homem vestido de preto estava enrolada no pescoço dele.

— Cale-se — disse o homem vestido de preto, friamente. Ele apertou a mão e um som de estalo foi ouvido. Os olhos do Cultivador do estágio médio da Alma Nascente se arregalaram quando seu corpo instantaneamente secou. Sua força vital foi sugada pelo homem vestido de preto e, num piscar de olhos, ele foi transformado em nada mais do que um cadáver ressecado. Seus olhos estavam abertos o tempo todo e cheios de confusão. No final, um poof foi ouvido enquanto seu corpo se transformava em cinzas. Ele estava completamente morto, tanto em corpo quanto em espírito.

— Ele… não é alguém que você está qualificado para desonrar com suas palavras — disse o homem vestido de preto, sua voz suave quando olhou para Meng Hao.

Tudo de repente ficou quieto. Todos os membros da Tribo do Corvo Divindade e neo-demônios começaram a recuar. Os Cultivadores da Aliança dos Oito Ramos ficaram estupefatos. De repente, minando a vontade de lutar, eles recuaram. Todos os olhos estavam agora em cima de Meng Hao e do homem vestido de preto, ambos flutuando lá no ar.

Os cinco Cultivadores com Almas Nascentes remanescentes da Aliança dos Oito Ramos tinham rostos pálidos. Em sua lembrança, o Sagrado Ancião nunca pareceu possuir consciência. Seus ataques incisivos eram quase como de um fantoche. Ele também nunca falou. Mas hoje… não só ele falou, mas sua expressão havia mudado, e ele parecia até estar mostrando emoção. Isso estava além de qualquer coisa que eles imaginaram, completamente sem precedentes. Eles estavam assustados sem saber se podiam ou não recuar.

O homem vestido de preto sorriu e continuou: — Não é verdade, exaltado Selador Demoníaco?

Seu sorriso estava cheio de selvageria, assim como excitação. A excitação aparentemente fez o tremor de seu corpo ainda mais intenso, fazendo com que ele parecesse ainda mais bizarro.

A névoa negra no altar dentro do vórtice mais uma vez se agitou. O som dos uivos ficou mais furioso, como se algo quisesse explodir de dentro da névoa. Apesar disso, os rostos ainda pareciam capazes de suprimi-lo.

A expressão de Meng Hao era a mesma de sempre, mas por dentro ele tremia, como se grandes ondas batessem contra seu coração. O que foi mais chocante para ele foi que finalmente encontrou alguém que instantaneamente reconheceu que ele era um Selador Demoníaco.

— Quem é você? — perguntou Meng Hao, olhando para o homem.

— Quem sou eu? Você está me perguntando quem eu sou? — O homem vestido de preto olhou em choque por um momento, e então de repente riu. Foi uma gargalhada estridente cheia de emoção, bem como uma ganância que até mesmo os Cultivadores da Aliança dos Oito Ramos também podiam ver.

— Você está realmente perguntando quem eu sou? — perguntou, continuando a rir. — Você não me reconhece? Não me diga que a Primeira Geração de Seladores Demoníacos cortou o legado? Não me diga… De repente, um grito arrogante foi ouvido atrás dele.

— Não me diga nada, cadela! — Um borrão multicolorido apareceu de repente, que se dirigiu diretamente para a extremidade traseira do homem vestido de preto e… disparou diretamente através.

Um plop foi ouvido quando o papagaio apareceu de repente no ombro de Meng Hao. Ele olhou ferozmente para o homem vestido de preto.

— Você é apenas uma Constructo Diabólico, cadela! Droga! Cadela! Lorde Quinto odeia Constructos Diabólicos!

Não querendo ser superada pelo papagaio, a gelatina de carne, que ainda estava na forma de um sino preso no pé do papagaio, de repente gritou: “O Lorde Terceiro também odeia Constructos Diabólicos! Todos os Constructos Diabólicos devem ser convertidos!”

O homem vestido de preto olhou em choque. Ele olhou para o seu corpo enevoado e depois olhou para cima, com os olhos cheios de desejo de matar.

Foi nesse momento que outro grito furioso foi ouvido de trás do homem vestido de preto: — Besta Celestial!

A enorme Besta Celestial, numa bela imitação do papagaio, disparou diretamente para o homem vestido de preto.

No entanto, quando se fechou, o homem vestido de preto acenou com o braço para trás e disse friamente: — Destruição Demoníaca.

Ele só falou duas palavras, mas em resposta, quantidades enormes de Qi Demoníaco invisível da área circundante dispararam na sua direção e congelaram na frente de sua mão direita. Então, quebrou.

A Besta Celestial soltou um grito miserável quando quase metade de seu corpo foi rasgado em uma névoa de sangue. Parecia estar à beira de ser exterminada.

— Amada concubina! — gritou o papagaio, com os olhos vermelhos. De repente, disparou para frente, seu corpo se expandiu até atingir dezenas de metros de comprimento. Ele disparou na direção do homem vestido de preto, em seguida, passou por ele, pegando a Besta Celestial e voando rapidamente para longe.

O homem vestido de preto não contra-atacou. Em vez disso, ele olhou friamente para Meng Hao, sorrindo quando ele começou a se mover para frente.

— Eu nunca imaginei que conheceria a atual geração dos Seladores Demoníacos… Depois que eu te consumir, quem mais poderia me suprimir?

O coração de Meng Hao tremeu. A aura de seu oponente era monstruosa e emanava ondas chocantes. Meng Hao podia sentir uma pressão intensa pesando sobre ele. Ofegante, ele olhou para o homem vestido de preto. Agora mesmo, todos os outros viram o homem vestido de preto simplesmente levantar a mão ao fazer a Besta Celestial se despedaçar numa massa de sangue.

Apenas Meng Hao viu claramente o que realmente aconteceu. Esta foi uma nova maneira de usar o Qi Demoníaco que nunca tinha visto antes!

Então o Qi Demoníaco… pode realmente ser usado assim!” Parecia que um raio estava caindo dentro de sua cabeça. Parecia que a habilidade divina do homem vestido de preto de repente abriu a porta para um novo caminho que pertencia aos Seladores Demoníacos.

Meng Hao de repente começou a recuar. Ao mesmo tempo, o homem vestido de preto aumentou sua velocidade, sua expressão de crueldade e ganância mais visível do que nunca.

— Um Selador Demoníaco separado do seu legado! Você faria bem em lembrar meu nome… Sou o Tumba Solitária! — No instante em que o homem pronunciou seu nome, a névoa no vórtice de repente emitiu um grito furioso. Parecia que estava se esforçando para explodir; No entanto, os rostos pareciam dispostos a serem destruídos para evitar que ele escapasse.


Tradutor: Drago | Revisores: Delongas e Gafiam


CAPÍTULO ANTERIOR                                                                                          PRÓXIMO CAPÍTULO


[1] Nota Drago – no original o título 荒冢 pode ser traduzido como “tumba solitária” assim como “ridículo”, kkkk


Fontes
Cores